Morreu Eduardo Nascimento, ex-TAP e ex-euroAtlantic

23-11-2019 (17h52)

Muito conhecido pela canção “O Vento Mudou”, com que ganhou o festival da canção em 1967, Eduardo Nascimento, que posteriormente se dedicou à aviação comercial, tendo sido quadro destacado da TAP, da TAAG, da TACV e da euroAtlantic, morreu na sexta-feira, aos 76 anos.

O funeral realiza-se segunda-feira para o cemitério do Alto de S. João.

A partir das 18h30 de amanhã, domingo, o seu corpo estará em câmara ardente na Basílica da Estrela, em Lisboa.

Eduardo Nascimento nasceu em Luanda em 1943 e começou por se evidenciar na música num concurso de ‘ié-ié’ no antigo Teatro Monumental com a banda “Os Rocks” que venceu o Prémio de Imprensa em 1966.

Eduardo Nascimento foi dos primeiros artistas com raízes africanas a actuar no Festival Eurovisão da Canção.

 

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Willie Walsh será o novo director-geral da IATA a partir de 1 de Abril

24-11-2020 (17h10)

O irlandês Willie Walsh, ex-CEO do IAG, vai substituir Alexandre de Juniac como director-geral da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) a 1 de Abril de 2021.

Grupo Lufthansa muda lideranças na Swiss, Brussels e Lufthansa Cargo

20-11-2020 (17h39)

O Grupo Lufhtansa nomeou novos chief executive officers (CEO) para as suas subsidiárias Swiss, Brussels e Lufthansa Cargo.

Airmet promove Luís Henriques a director-geral

20-11-2020 (10h56)

Luís Henriques, que integrou este ano o grupo de gestão de agências de viagens Airmet como director-geral Comercial, assumiu esta segunda-feira, dia 16, o cargo de director-geral do grupo.

easyJet promove Javier Gándara a director para o Sul da Europa

07-10-2020 (15h01)

A companhia aérea easyJet promoveu o seu actual responsável pelo mercado de Portugal e Espanha, Javier Gándara, para director-geral para o Sul da Europa.

TAP explica finalmente saída da família Pedrosa da administração da TAP, SA

02-10-2020 (18h26)

A Administração da TAP explicou hoje ao pessoal que a saída de Humberto Pedrosa e David Pedrosa do Conselho de Administração da TAP, SA deve-se a terem passado a ser apenas accionistas da holding TAP SGPS, de que a empresa de aviação é subsidiária, e ‘formaliza’ a saída de David Neeleman.

Opinião e Análise