Vila Galé EcoResort de Angra tem Fado & Samba para jantares à la carte

21-05-2013 (15h29)

E rede vai remodelar quartos a partir de Junho

O Vila Galé Angra, ecoresort instalado numa enseada e rodeado de mata atlântica da Fazenda do Tanguá, Angra dos Reis, uma das regiões turísticas mais famosas do estado do Rio de Janeiro, tem uma nova proposta gastronómica, com a abertura do restaurante Fado & Samba que, como o nome indica, propõe “uma cozinha de fusão inspirada na culinária portuguesa e carioca”.




O ecoresort, de que a rede hoteleira portuguesa assumiu a gestão a 1 de Setembro de 2009, com 307 quartos, 11 suites e uma suite presidencial, actualmente a funcionar em sistema all inclusive, propõe-se, com o novo restaurante, “deliciar com os pratos tradicionais dessas duas culinárias”, como diz o chef executivo Leonardo Santos, responsável pela criação de todos os pratos.
“Caldo verde, bife Osvaldo Aranha e os famosos bolinhos de bacalhau, são alguns dos pratos que compõe a carta deste novo restaurante”, avança ainda uma informação da Vila Galé sobre o Fado & Samba que, segundo indicou, irá funcionar exclusivamente para jantares e terá serviço à la carte.
A mesma informação avança que a rede também já tem projectada uma remodelação dos 319 quartos do ecoresort, indicado que vai decorrer entre Junho e Novembro, em cinco fases.
A “envolvente paradisíaca” tem sido uma das características do ecoresort mais destacadas, enaltecendo a sua localização à beira das águas cristalinas da baía da Ilha Grande, e no qual a rede ‘instalou’ desde logo ícones das suas propostas, como um Spa Satasanga, um restaurante Versátil e um Inevitável Sushi anda Pasta Lounge.
Para ver Vila Galé EcoResort de Angra em fotos no PressTUR clique aqui

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Um olhar sobre a aviação comercial perante a pandemia de covid-19

20-05-2020 (20h51)

Há pouco mais de três meses muitas das companhias aéreas do mundo debatiam-se com problemas de falta de aviões que assegurassem as suas estratégias de crescimento e melhoria da sua eficiência. Reclamavam e pediam compensações da Boeing, pelo atraso no regresso à operação do B737 Max, bem como da Airbus, pelos sucessivos atrasos na entrega de novas aeronaves. Hoje, entre muitas outras, as dificuldades passam por encontrar lugar para parquear as suas frotas e em determinar quando as irão colocar novamente nos céus. Quase ninguém quer ouvir falar em ter mais aviões.

Nunca acreditaram. Sempre falaram e… nada fizeram!...

19-05-2020 (18h00)

Uns disseram que «não haveria lei dos vouchers», claro que não, pois se «os agentes de viagens não têm voz em Portugal»…

IAG adia mudanças na gestão de topo

16-03-2020 (11h23)

O IAG, segundo maior grupo europeu de aviação, anunciou hoje o adiamento das alterações da sua gestão de topo, nomeadamente a substituição de Willie Walsh como CEO por Luis Gallego, justificando com a pandemia de covid-19 e designadamente a sua evolução em Espanha.

Minor promove Miguel Garcia a director de Operações para hotéis urbanos em Portugal

26-02-2020 (14h57)

A Minor Hotels, proprietária da rede hoteleira Tivoli, promoveu Miguel Garcia para o cargo de director regional de Operações para Urban Hotels Portugal.

Minor contrata ex-director do Bairro Alto Hotel para hotel manager do Tivoli Avenida Liberdade

26-02-2020 (14h55)

A Minor Hotels contratou o ex-director do Bairro Alto Hotel, João Prista von Bonhost, para o cargo de hotel manager do Tivoli Avenida Liberdade.

Opinião e Análise