Cabo Verde garante condições para testes a viajantes em menos de 72 horas

03-07-2020 (11h16)

As autoridades de saúde cabo-verdianas anunciaram que os passageiros de um voo sanitário que partiu na quarta-feira para Lisboa já levaram resultados de testes à covid-19, tendo o país capacidade para os realizar em menos de 72 horas.

A revelação foi feita pela presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP), que tem laboratórios de virologia na Praia (ilha de Santiago) e na ilha de São Vicente, que realizam testes de diagnóstico (PCR) à covid-19 e que processam mais de 200 amostras diariamente.

“Os passageiros [do voo de 1 de Julho] já levaram os resultados dos testes que foram feitos no mesmo dia (…). O país tem capacidade para realizar estes testes em menos de 72 horas”, explicou a presidente do INSP, Maria da Luz, que falava na habitual conferência de imprensa diária sobre a progressão da pandemia no arquipélago.

Além da Praia e de São Vicente, o Governo cabo-verdiano já anunciou que pretende instalar laboratórios para reforçar a capacidade de diagnóstico nas ilhas do Sal, da Boa Vista e um segundo na capital.

O Governo português autorizou, desde 1 de Julho, o tráfego aéreo com destino e a partir de Portugal de todos os voos de e para os países que integram a União Europeia, dos países associados ao Espaço Schengen (Liechtenstein, Noruega, Islândia e Suíça) e do Reino Unido.

Os passageiros dos voos provenientes dos países de língua oficial portuguesa – bem como dos Estados Unidos – têm de apresentar, no momento da partida, comprovativo de teste à covid-19, com resultado negativo, realizado nas últimas 72 horas antes do embarque, “sob pena de lhes ser recusada a entrada em território nacional”, anunciou o executivo português.

Cabo Verde suspendeu em 19 de Março todas as ligações aéreas internacionais, para conter a progressão da pandemia de covid-19 no arquipélago, autorizando apenas voos sanitários. A suspensão deveria ser levantada este mês, mas o Governo cabo-verdiano já anunciou a prorrogação da medida até Agosto (clique para ler: Cabo Verde adia retoma dos voos internacionais para Agosto – Governo).

Cabo Verde regista 1.301 casos diagnosticados de covid-19 desde 19 de Março, com 15 óbitos, mas 643 já foram dados como recuperados.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Cabo Verde

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAP e TAAG vão fazer sete entre Luanda e Lisboa este mês

10-08-2020 (16h36)

As transportadoras aéreas TAP e TAAG anunciaram sete novos voos na rota Luanda-Lisboa durante este mês de Agosto, depois de ter sido prorrogada, no Sábado, a situação de calamidade pública até 8 de Setembro.

UE retira Marrocos da lista de países sem restrições de viagens devido à covid-19

08-08-2020 (09h07)

A União Europeia retirou Marrocos da lista de países isentos de restrições de viagens por causa de um recrudescimento de casos de infeções com covid-19, anunciou o Conselho, em comunicado.

TAAG recebe o primeiro de seis Dash 8-400 encomendados à Bombardier

06-08-2020 (15h57)

A TAAG - Linhas Aéreas de Angola recebeu a primeira de seis aeronaves Dash 8-400 encomendadas em 2018 à empresa canadiana Bombardier.

Qatar Airways mantém quatro voos/semana na rota Doha – Lisboa

05-08-2020 (15h46)

A Qatar Airways, uma das maiores companhias de aviação da região do Golfo, manteve em quatro voos por semana a frequência de voos na rota Doha – Lisboa no período de 1 de Setembro a 24 de Outubro.

Abertura do hotel InterContinental em Luanda adiada para o final do ano

05-08-2020 (11h10)

O primeiro hotel do InterContinental Hotels Group (IHG) na capital angolana, Luanda, deverá abrir apenas no final deste ano, admitiu o grupo hoteleiro britânico, 5º maior do mundo em número de quartos em 2019, com 883,5 mil, segundo o ranking da revista "Hotels".

Opinião e Análise