Número de mortos em África sobe para 13.238 em quase 595 mil casos

13-07-2020 (16h52)

Foto: Unsplash / Engin Akyurt
Foto: Unsplash / Engin Akyurt

O número de mortos em África devido à covid-19 subiu hoje para 13.238, mais 250 nas últimas 24 horas, em quase 595 mil casos, segundo os dados mais recentes sobre a pandemia no continente.

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o número de infectados subiu para 594.841, mais 16.937 nas últimas 24 horas, enquanto o número de recuperados é hoje de 297.480, mais 10.469.

A África Austral regista o maior número de casos (285.940) e regista 4.236 mortos, a grande maioria concentrada na África do Sul, o país com mais infetados e mais mortos em todo o continente, com 276.242 casos e passou hoje as quatro mil vítimas mortais (4.079).

O Norte de África lidera no número de mortes (5.345), tendo 124.349 infeções.

A África Ocidental conta 1.592 mortos em 96.959 infetados, a África Oriental regista 1.230 vítimas mortais e 47.023 casos, enquanto na África Central há 835 mortos e 40.570 infeções.

Depois da África do Sul, o Egito é o segundo país com mais vítimas mortais, contabilizando hoje 3.858 mortos e 82.070 casos de infeção, seguindo-se a Argélia, com 1.004 mortos e 18.712 infetados.

Entre os cinco países mais afetados, está também a Nigéria, com 740 mortos e 32.558 infetados, e o Sudão, com 650 mortes e 10.250 casos.

Em relação aos países africanos lusófonos, a Guiné-Bissau é o que tem mais infeções e mortes, com 1.842 casos e 26 vítimas mortais.

Cabo Verde tem 1.698 infeções e 19 mortos, enquanto Moçambique conta 1.154 infetados e nove mortos.

São Tomé e Príncipe contabiliza 726 casos e 14 mortos e Angola tem 506 casos confirmados de covid-19 e 26 mortos.

A Guiné Equatorial, que integra a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), mantém há vários dias 3.071 casos e 51 mortos, segundo o África CDC.

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egipto em 14 de fevereiro e a Nigéria foi o primeiro país da África subsaariana a registar casos de infeção, em 28 de fevereiro.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 566 mil mortos e infetou mais de 12,79 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAAG reforça ligações Luanda-Lisboa a partir de Sábado

14-05-2021 (14h11)

A TAAG anunciou que vai reforçar as operações entre Angola e Portugal, com um segundo voo semanal entre Luanda e Lisboa, a partir de Sábado, dia 15 de Maio.

Cabo Verde passa a exigir testes rápidos para viagens entre ilhas, excepto entre São Vicente e Santo Antão

11-05-2021 (17h31)

Cabo Verde vai passar a exigir testes rápidos de despiste para a covid-19 para viagens marítimas e aéreas entre todas as ilhas, com excepção do percurso São Vicente-Santo Antão, informou o Governo cabo-verdiano.

Ethiopian Mozambique cessa todos os voos a partir de amanhã, 6 de Maio

05-05-2021 (15h36)

A Ethiopian Airlines Mozambique, subsidiária moçambicana da maior companhia de aviação africana, anunciou que a partir de amanhã cessa todos os voos, por falta de procura devido à pandemia de covid-19, segundo indicou.

Operadores turísticos portugueses cancelam charters para Tunísia e Marrocos

28-04-2021 (10h32)

O operador turístico Solférias e os seus parceiros nas operações de Verão para a Tunísia e Marrocos, incluindo Jade Travel, Soltrópico, Sonhando, Abreu e Viajar Tours, cancelaram os voos charter para estes destinos, devido ao impacto da incerteza nas reservas.

TAP adia para Julho início dos voos para Marrocos e Tunísia

27-04-2021 (11h37)

A TAP adiou para os primeiros dias de Julho a inauguração das suas novas rotas de Lisboa para Oujda (Saïdia) e Agadir, em Marrocos, e para Djerba e Monastir, na Tunísia, confirmaram ao PressTUR fontes do mercado.

Opinião e Análise