Wassef Ayadi é novo CEO da Tunisair

26-10-2020 (16h45)

A Tunisair contratou Wassef Ayadi, que trabalhou em empresas como a Lufthansa e a Airbus, para o cargo de CEO, substituindo Elyes Mnakbi, que deixou a companhia no início de Julho.

Wassef Ayadi deverá relançar o plano de reestruturação anunciado pela companhia aérea no final de Abril, que prevê o despedimento de cerca de 4.800 dos 7.800 trabalhadores, bem como uma recapitalização na ordem dos 400 milhões de euros e uma renovação da frota, de acordo com a imprensa francesa especializada em aviação.

As notícias indicam ainda que as receitas da Tunisair no primeiro semestre baixaram 64%, para 88,4 milhões de euros, em linha que com a quebra do transporte de passageiros, que caiu em cerca de 580 mil passageiros (-65%).

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Tunisair

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Marrocos suspende todos os voos do estrangeiro devido à nova variante

29-11-2021 (19h28)

Marrocos suspendeu todos os voos provenientes do estrangeiro esta segunda-feira, e durante duas semanas, para se proteger da variante Ómicron do novo coronavírus.

Operadores portugueses já vendem Djerba e Monastir com charters na Páscoa e no Verão

29-11-2021 (12h05)

Os operadores turísticos Solférias, Viajar Tours, Sonhando, JadeTravel e Abreu já têm no mercado novas operações charter para as férias da Páscoa e de Verão nas praias de Djerba e Monastir, na Tunísia.

Guiné-Bissau quer que UE aceite o seu certificado digital de vacinação

29-11-2021 (11h59)

A alta comissária para a covid-19 na Guiné-Bissau, Magda Robalo, pediu à União Europeia para aceitar o certificado digital de vacinação guineense, durante um encontro com a directora-geral do Serviço Europeu Ação Externa, a embaixadora Rita Laranjinha.

Espanha exige teste negativo para passageiros de sete países africanos

29-11-2021 (11h53)

A Espanha exigirá um teste negativo de covid-19 a todas as pessoas provenientes de países que actualmente sejam de alto risco como Botsuana, Suazilândia, Lesoto, Moçambique, Namíbia, África do Sul e Zimbabué.

Portugal suspende voos de/para Moçambique e impõe quarentena a passageiros de sete países africanos

29-11-2021 (11h47)

Portugal anunciou a suspensão dos voos de e para Moçambique a partir de hoje, 29 de Novembro, e a obrigatoriedade de cumprir 14 dias de quarentena para passageiros oriundos de um conjunto de países africanos.

Ultimas Noticias

Opinião e Análise