Air Canada consegue desconto de 72% para comprar Air Transat

12-10-2020 (15h58)

Foto: Air Transat
Foto: Air Transat

A Air Canada renegociou o acordo de compra da Transat AT, que detém a Air Transat, e conseguiu um desconto de 72% no preço por acção, baixando o valor do negócio de 720 milhões para 190 milhões de dólares canadianos (122,4 milhões de euros).

Com o novo acordo, a Air Canada vai comprar as acções da Transat por 5 dólares por acção (3,22 euros). O acordo inicial, celebrado em Agosto do ano passado, indicava o preço de 18 dólares canadianos por acção (11,59 euros), para um total de 720 milhões de dólares canadianos (463,7 milhões de euros).

A alteração do acordo “reflecte o impacto sem precedentes da covid-19 sobre a indústria do transporte aéreo, que sofreu um severo declínio nas viagens aéreas desde que o acordo inicial entre a Air Canada e a Transat foi concluído e aprovado pelos accionistas da Transat em Agosto de 2019”, lê-se num comunicado da Air Canada.

O negócio permanece sujeito a aprovação dos accionistas, do tribunal, da Bolsa de Valores de Toronto, de certas condições e aprovações regulatórias, incluindo o processo de aprovação em curso pelas autoridades reguladoras no Canadá e na União Europeia.

A transação deverá ser concluída no final de Janeiro ou início de Fevereiro de 2021.

O comunicado acrescenta que “o Conselho de Administração da Transat determinou por unanimidade que a transação alterada atende aos melhores interesses da Transat e das suas partes interessadas, e está a recomendar que os accionistas da Transat votem a favor da transação”.

Citado na mesma nota, o presidente e CEO da Air Canada, Calin Rovinescu, afirmou que, apesar do “efeito devastador” da covid-19, “a Air Canada pretende concluir a aquisição da Transat a um preço reduzido e em termos modificados”, considerando que isso “proporcionará estabilidade para as operações da Transat e as suas partes interessadas e posicionará a Air Canada, e de facto a indústria de aviação canadiana, para emergir com mais força à medida que entrarmos no mundo pós-covid-19”.

Ver também:

Compra da Transat pela Air Canada só deverá acontecer na segunda metade de 2020

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Air Canada

Clique para ver mais: Air Transat

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

American Airlines declara prejuízo líquido de 2,4 mil milhões de dólares no 3º trimestre

22-10-2020 (17h51)

A American Airlines, maior companhia de aviação do mundo antes da pandemia, informou hoje que no terceiro trimestre, tradicionalmente o seu melhor, teve um prejuízo líquido de 2,4 mil milhões de dólares, com uma quebra das receitas em 73,4%.

Iberia vai ‘dar boleia’ à Qatar em mais oito rotas americanas

21-10-2020 (15h37)

A Qatar Airways, maior accionista do IAG, grupo a que pertencem a British Airways, a Iberia, a Vueling e a Aer Lingus, já tem ‘luz verde' das autoridades dos Estados Unidos para ter code-share com a Iberia em oito rotas da espanhola.

Air Transat vai operar voos ‘triangulares’ de Toronto para Lisboa e Porto em Novembro

19-10-2020 (12h26)

A companhia de aviação canadiana Air Transat, do grupo Transat AT, em processo de venda ao grupo Air Canada, parceiro da TAP na Star Alliance, em Novembro e até 7 de Dezembro vai ‘juntar’ os voos de Toronto para Lisboa e Porto.

EUA somam mais 1.148 mortos com covid-19 e mais 70.334 infectados

16-10-2020 (11h39)

Os Estados Unidos somaram ontem mais 1.148 mortos e mais 70.334 pessoas infectadas com o novo coronavírus, os valores mais altos desde Julho, de acordo com uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

México contabiliza mais 387 mortos e 5.514 infectados com o novo coronavírus

16-10-2020 (11h35)

O México contabilizou ontem mais 387 mortes provocadas pelo novo coronavírus e mais 5.514 pessoas infectadas, informaram as autoridades de Saúde mexicanas.

Opinião e Análise