Avianca declara falência devido ao impacto da covid-19

11-05-2020 (16h54)

Imagem: Avianca
Imagem: Avianca

A companhia aérea colombiana Avianca, uma das maiores da América Latina, declarou falência devido ao impacto da covid-19, que paralisou a aviação.

A decisão decorre do “impacto imprevisível da pandemia de covid-19, que resultou num declínio de 90% no tráfego global de passageiros”, diz a Avianca num comunicado, destacando as previsões da IATA, que antecipa uma redução das receitas na aviação mundial em 314 mil milhões de dólares.

Os voos comerciais de passageiros da Avianca estão suspensos desde meados de Março, o que reduziu a receita consolidada da empresa em mais de 80%, diz a nota de imprensa.

Assim, a Avianca Holdings e algumas das suas subsidiárias e afiliadas apresentaram petições voluntárias sob o Capítulo 11 do Código de Falências dos Estados Unidos no Tribunal de Falências dos EUA do Distrito Sul de Nova Iorque, para preservar e reorganizar os negócios. Fora do acordo está o programa de fidelização LifeMiles, que é gerido por outra empresa.

“A Avianca está a enfrentar a crise mais desafiante dos seus 100 anos”, afirmou o CEO da empresa, Anko Van Der Werff, considerando que “uma reorganização sob o Capítulo 11 é o melhor caminho a seguir para proteger os serviços essenciais de viagens aéreas e transporte aéreo que fornecemos na Colômbia e noutros mercados da América Latina”.

A companhia aérea é uma das mais antigas do mundo e conta com a United Airlines e a Kingsland entre os seus accionistas, e chegou a ser gerida por German Efromovich, que esteve próximo de comprar a TAP na privatização da companhia portuguesa (clique para ler: German Efromovich afastado da liderança da Avianca).


 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Avianca

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Disney vai despedir mais de 30 mil trabalhadores

27-11-2020 (10h05)

A Walt Disney Company anunciou que vai despedir 32 mil trabalhadores, principalmente funcionários dos seus parques temáticos, devido à pandemia de covid-19.

Carnival Cruise Line cancela cruzeiros com embarque nos Estados Unidos

20-11-2020 (14h38)

A Carnival Cruise Line cancelou uma série de cruzeiros adicionais com embarque nos Estados Unidos, de forma a cumprir os requerimentos do CDC (Center for Disease Control and Prevention - Centro de Controlo e Prevenção de Doenças) dos Estados Unidos.

Brasil, Equador e Chile são os temas dos próximos webinars da LATAM

19-11-2020 (18h36)

Os próximos webinars da companhia aérea LATAM vão abordar os destinos Brasil, Equador e Chile, e contar com a participação de representantes de entidades de turismo dos respectivos países.

Boeing 737 MAX já tem permissão dos EUA para voltar a voar

18-11-2020 (17h23)

Os Estados Unidos autorizaram que o Boeing 737 MAX volte a voar, quase dois anos depois da proibição na sequência de dois acidentes que mataram 346 pessoas em cinco meses.

Royal Caribbean recebe mais de 100 mil candidaturas para cruzeiros de teste

17-11-2020 (17h00)

A Royal Caribbean já recebeu mais de 100 mil candidaturas para os seus cruzeiros de teste integrados no enquadramento condicional do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

Opinião e Análise