LATAM anuncia webinars sobre países da América do Sul

09-11-2020 (12h44)

Foto: LATAM
Foto: LATAM

A companhia aérea LATAM está a anunciar uma série de webinars semanais sobre "a abertura progressiva das fronteiras e medidas de higiene e segurança" que alguns países da América do Sul estão a adoptar.

O primeiro webinar, que vai ser exclusivo da LATAM, vai decorrer na próxima quinta-feira, 12 de Novembro, pelas 14h.

As próximas sessões, de acordo com o comunicado da companhia, vão ser lideradas por representantes do turismo do Peru, Brasil, Equador e Chile.

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: América

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Disney vai despedir mais de 30 mil trabalhadores

27-11-2020 (10h05)

A Walt Disney Company anunciou que vai despedir 32 mil trabalhadores, principalmente funcionários dos seus parques temáticos, devido à pandemia de covid-19.

Carnival Cruise Line cancela cruzeiros com embarque nos Estados Unidos

20-11-2020 (14h38)

A Carnival Cruise Line cancelou uma série de cruzeiros adicionais com embarque nos Estados Unidos, de forma a cumprir os requerimentos do CDC (Center for Disease Control and Prevention - Centro de Controlo e Prevenção de Doenças) dos Estados Unidos.

Brasil, Equador e Chile são os temas dos próximos webinars da LATAM

19-11-2020 (18h36)

Os próximos webinars da companhia aérea LATAM vão abordar os destinos Brasil, Equador e Chile, e contar com a participação de representantes de entidades de turismo dos respectivos países.

Boeing 737 MAX já tem permissão dos EUA para voltar a voar

18-11-2020 (17h23)

Os Estados Unidos autorizaram que o Boeing 737 MAX volte a voar, quase dois anos depois da proibição na sequência de dois acidentes que mataram 346 pessoas em cinco meses.

Royal Caribbean recebe mais de 100 mil candidaturas para cruzeiros de teste

17-11-2020 (17h00)

A Royal Caribbean já recebeu mais de 100 mil candidaturas para os seus cruzeiros de teste integrados no enquadramento condicional do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

Opinião e Análise