Capital Airlines prevê “pelo menos” 80 mil passageiros no primeiro ano dos novos voos para Lisboa

13-08-2019 (20h01)

Imagem: Beijing Capital Airlines
Imagem: Beijing Capital Airlines

A Beijing Capital Airlines, que começa no dia 30 de Agosto a voar Pequim – Xi’an – Lisboa, espera transportar no primeiro ano pelo menos 80 mil passageiros, disse ao PressTUR representante da companhia aérea.

No primeiro ano em que operou em Portugal, de Julho de 2017 a Julho de 2018, na rota Hangzhou – Pequim – Lisboa, que acabaria por suspender em Outubro de 2018 por razões operacionais, a Beijing Capital Airlines transportou mais de 80 mil passageiros, com uma taxa de ocupação de cerca de 80% na época baixa e acima de 95% na época alta.

Ao retomar este ano as ligações, com três voos por semana entre Lisboa e Pequim, com paragem em Xi’an, a companhia tem como previsão “transportar pelo menos o mesmo número de passageiros tendo sempre uma perspectiva positiva de alcançar ainda mais passageiros”, disse a representante do Marketing e Comunicação da companhia em resposta enviada por e-mail ao PressTUR.

Relativamente à ocupação, a companhia tem a perspectiva de “que esta taxa média de ocupação [de 80% em época baixa e acima de 95% em época alta] se mantenha, tendo sempre uma perspectiva positiva de poder aumentar”.

A companhia sublinha ainda que “a nova rota aumentará as trocas económicas e comerciais e proporcionará mais conveniência e apoio para que a China e Portugal alcancem uma forte cooperação com benefícios mútuos”.

Nesse sentido, conclui, “pretendemos manter o voo no próximo Inverno com o mesmo número de frequências”.

Ver também:

Novos voos Portugal – China abrem caminho a empresários e turistas

Beijing Capital Airlines promove atractivos de Shaanxi e Xian em Lisboa

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Beijing Capital Airlines

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Finnair relata quebra de tráfego em 96% em Junho, com Ásia a zeros

08-07-2020 (16h55)

Sem tráfego de/para a Ásia, sua principal aposta, a companhia de aviação finlandesa Finnair indicou ter duplicado em Junho o número de passageiros transportados em Maio, mas ficar ainda assim 96% abaixo do mês homólogo de 2019.

Seicheles reabrem fronteiras, mas barram entrada a visitantes de Portugal

06-07-2020 (16h45)

As Seicheles começaram a reabrir as fronteiras aos turistas estrangeiros, mas os viajantes procedentes de Portugal estão impedidos de entrar.

Casinos de Macau caíram em Junho para novo mínimo mensal de receitas de jogo

01-07-2020 (12h46)

Os Casinos de Macau, que formam o maior destino mundial de jogo, atingiram em Junho um novo mínimo mensal de receitas de jogo, com apenas 716 milhões de patacas (cerca de 79,8 milhões de euros ao câmbio de hoje), menos 38 milhões do que o mínimo fixado em Abril.

Companhia aérea australiana Qantas suprime 6.000 postos de trabalho

25-06-2020 (08h50)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou que vai suprimir cerca de 6.000 postos de trabalho, uma das medidas do plano de reestruturação para ultrapassar a crise provocada pela pandemia de covid-19.

Maldivas reabrem ao turismo a partir de 15 de Julho

24-06-2020 (11h36)

As Maldivas vão reabrir ao turismo a partir de 15 de Julho, depois de vários meses com os hotéis encerrados devido à pandemia de covid-19.

Opinião e Análise