ATA investe em campanha publicitária no Reino Unido

12-08-2020 (17h38)

Foto: www.turismodoalgarve.pt
Foto: www.turismodoalgarve.pt

A Associação Turismo do Algarve (ATA) vai reforçar a mensagem de que a região é um destino seguro junto do Reino Unido, através de uma campanha publicitária que será emitida na estação de televisão Channel 5, foi hoje anunciado.

“De 20 de Agosto até ao final de Outubro, este canal de entretenimento de grande audiência no Reino Unido irá transmitir um vídeo promocional do Algarve, com a duração de 50 segundos, que será exibido cerca de 38 vezes por semana e resultará numa exposição de 175 mil visualizações semanais”, avança a ATA, em comunicado de imprensa.

O objectivo é que sejam levantadas as restrições impostas aos viajantes que cheguem ao Reino Unido a partir de Portugal, devido à pandemia de covid-19, sublinha a associação.

“Estamos fortemente empenhados em reverter os efeitos negativos que resultaram da decisão do governo britânico e isso passa, entre outros aspectos, pelo reforço e pela repetição da mensagem, junto desse mercado, de que o Algarve é um destino seguro e que está totalmente preparado para voltar a acolher os seus turistas com toda a qualidade e o bem-estar a que sempre os habituou”, destaca o presidente da ATA, citado no comunicado.

João Fernandes acredita que a campanha “terá um impacto significativo” e que o “Reino Unido irá alterar a sua decisão muito em breve”, permitindo ao Algarve a recuperação do "principal mercado emissor de turistas".

“Além de promover a notoriedade do Algarve enquanto destino seguro, a exibição deste vídeo terá também associada uma vertente de competição, que irá permitir aos espectadores participarem num sorteio e habilitarem-se a ganhar uma estadia de 7 noites na região para duas pessoas, num hotel de cinco estrelas. Este prémio será válido até ao final do Verão de 2021”, lê-se na mesma nota.

Em 24 de julho, o Reino Unido manteve Portugal fora do corredor aéreo que dispensa quarentena no regresso ao país devido à pandemia de Covid-19, reiterando as restrições que tinha imposto pela primeira vez no início do mês.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Portugal

Clique para ver mais: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CCB quer fechar contrato este ano com Mota Engil para hotel e zona comercial

01-10-2020 (16h57)

O Centro Cultural de Belém (CCB) espera assinar ainda este ano o contrato com a construtora Mota Engil, para a construção e exploração de um hotel e zona comercial nos módulos que faltam ao edifício original.

Novo coronavírus já fez mais de 34 milhões de infectados no mundo

01-10-2020 (16h53)

Pelo menos 34.041.560 pessoas foram infectadas em todo o mundo com o novo coronavírus desde que este foi descoberto em Dezembro na China, indica um balanço às 11h00 TMG (12h00 em Lisboa) de hoje da agência France-Presse.

Viajantes para províncias angolanas obrigados a ficar em Luanda pelo menos oito dias

01-10-2020 (16h52)

Os passageiros cujo destino em Angola não seja Luanda são obrigados a cumprir uma quarentena de 8 a 14 dias na capital, em local autorizado pelas autoridades sanitárias, antes de poderem viajar para outras províncias.

África do Sul proíbe entrada de turistas de Portugal por ser de “alto risco”

01-10-2020 (16h43)

Os turistas oriundos de Portugal não vão ser autorizados a entrar na África do Sul, quando o país africano reabrir as fronteiras internacionais na quinta-feira, anunciou o ministro do Interior sul-africano.

Tailândia prolonga estado de emergência até 31 de Outubro

01-10-2020 (16h41)

A Tailândia prolongou até 31 de Outubro o Estado de Emergência decretado para conter a propagação da covid-19.

Opinião e Análise