Azul declara ‘perda’ de 618,5 milhões de reais com “justo valor” da sua participação na TAP

14-05-2020 (14h58)

Foto: ANA Aeroportos
Foto: ANA Aeroportos

A Azul, companhia de aviação brasileira fundada e presidida por David Neeleman, também accionista de referência da TAP, declarou hoje uma perda de R$618,5 milhões (cerca de 97 milhões de euros ao câmbio de hoje) que atribui “principalmente” à “redução no valor justo” da sua participação na TAP.

A informação especifica que esse valor inclui alguma atenuação decorrente da desvalorização do real face ao euro no final do período.

A Azul refere que tem as obrigações convertíveis da TAP registadas no seu balanço por 937,2 milhões de reais (cerca de 146 milhões de euros) “como investimentos de longo prazo”.

A informação especifica que “o valor de face total e dos juros acumulados” do seu investimento em títulos convertíveis da TAP é de 668,6 milhões de reais (cerca de 104,6 milhões de euros), assinalando que “o título também é garantido pelo programa de fidelidade da TAP”.

O balanço da Azul evidencia que, porém, o seu Resultado Financeiro não atingiu uma perda de 6.385,9 milhões de reais (cerca de mil milhões de euros) principalmente pela queda do justo valor dos títulos da TAP, mas sim pelas perdas com hedging (instrumentos financeiros derivativos) e variações cambiais, para as quais contabilizou perdas de, respectivamente, 1.281,6 milhões (cerca de 200 milhões de euros) e 4.233,8 milhões de reais (cerca de 662 milhões de euros).

 

Clique para mais notícias: Azul

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Portugal sem mortes por covid-19 no dia de ontem

03-08-2020 (16h25)

Portugal teve ontem, pela primeira vez desde 16 de Março, 24 horas consecutivas sem mortes por covid-19, embora 106 novos casos de infecção, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS).

Pandemia ‘destruiu’ cerca de 20 milhões de dormidas no alojamento turístico português até Junho

03-08-2020 (14h59)

A pandemia provocou uma quebra de dormidas no alojamento turístico português que se situa na ordem dos 20 milhões, de acordo com os dados divulgados hoje pelo INE, que indica 1,07 milhões de pernoitas no mês de Junho, elevando para 10,5 milhões o total no semestre.

Portugueses proporcionam “ligeira melhoria” em Junho da actividade turística em Portugal

03-08-2020 (11h21)

O mercado dos residentes em Portugal, proporcionou ao turismo um mês de Junho ‘ligeiramente' menos negativo que os anteriores, informou hoje o INE, que indicou que uma queda das suas dormidas no alojamento turístico duas décimas menor que os 60%, enquanto da parte do turismo internacional a queda manteve-se acima dos 95%.

Covid-19 nos Estados Unidos mata mais 515 mortos e infecta mais 51 mil

03-08-2020 (10h59)

Os Estados Unidos registaram 515 mortos e 51.343 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

Brasil conta mais de 94 mil mortos e de 2,7 milhões de infectados com covid-19

03-08-2020 (10h44)

O Brasil tem confirmados até hoje 94.104 mortos e 2.733.677 milhões de pessoas infectadas com covid-19, informou o Ministério da Saúde num site com dados sobre a pandemia.

Opinião e Análise