Brasil regista 53.830 mortos por covid-19 desde o início da pandemia

25-06-2020 (09h51)

O Brasil registou mais 1.185 mortos por covid-19 de acordo com os dados divulgados ontem pelo Ministério da Saúde, elevando o total para 53.830 vítimas mortais desde o início da pandemia.

Segundo a tutela, 486 das 1.185 mortes ocorreram nos últimos três dias, mas foram incluídas nos dados de ontem, estando ainda a ser investigada uma eventual relação de 3.904 óbitos com a doença.

Em relação ao número de infectados, o Brasil contabilizou 42.725 novos casos nas últimas 24 horas, num total de 1.188.631 pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus.

O país sul-americano já registou a recuperação de 649.908 pacientes infetados, sendo que 484.893 doentes continuam sob acompanhamento, segundo o Ministério da Saúde.

De acordo com o executivo, a letalidade da doença no Brasil, segundo país do mundo com mais mortos e infectados, desceu para 4,5%.

São Paulo, foco da pandemia no país, concentra oficialmente 238.822 casos de infecção e 13.352 vítimas mortais.

Seguem-se os estados Rio de Janeiro, que acumula 103.493 infectados e 9.295 vítimas mortais, o Ceará, que tem 99.578 casos confirmados e 5.815 mortes, e o Pará, que contabiliza oficialmente 91.708 contágios e 4.726 óbitos devido à covid-19.

Em todo o território brasileiro, 25 das 27 unidades federativas do país já ultrapassaram a barreira dos 10 mil casos de contágio e nove já registaram mais de mil mortes.

O Brasil tem uma incidência de 25,6 mortes e 565,6 casos da doença por cada 100 mil habitantes, numa nação com uma população estimada de 210 milhões de pessoas, informou o Governo.

A pandemia de covid-19 já provocou quase 479 mil mortos e infetou mais de 9,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

LATAM Airlines considera combustíveis alternativos

02-08-2021 (16h16)

A LATAM Airlines, de acordo com o seu CEO, Roberto Alvo, está a considerar o recurso a combustíveis alternativos para cumprir o seu objectivo de atingir a neutralidade de carbono em 2050 e de em 2030 já ter uma redução de 50% nas suas emissões domésticas.

TAP regressa ao pódio dos passageiros de voos internacionais de/para o Brasil

29-07-2021 (15h52)

A TAP foi em Junho a terceira companhia com mais passageiros de voos internacionais de/para o Brasil, segundo informação da autoridade brasileira da aviação civil, ANAC, que indicou que a companhia portuguesa teve 27 mil passageiros embarcados e/ou desembarcados em aeroportos brasileiros.

Gastos dos brasileiros em turismo no estrangeiro ainda estão 78% abaixo do valor pré-pandemia

28-07-2021 (15h44)

Os brasileiros despenderam quase dois mil milhões de dólares em turismo no estrangeiro no primeiro semestre, de acordo com o Banco Central do Brasil, cujos dados indicam um aumento em 87,6% em Junho face ao mês homólogo de 2020, mas com o balanço do semestre ainda ‘no vermelho', com queda em 77,9%.

Azul repõe capacidade no mercado brasileiro, mas ocupação fica aquém

12-07-2021 (12h24)

A Azul, companhia de aviação brasileira fundada e presidida por David Neeleman, ex-accionista de referência da TAP, já teve mais capacidade no Brasil em Junho que no mês homólogo de 2019, mas sem conseguir igualar em tráfego.

Mortes no Brasil tiveram balanço menos trágico em quase cinco meses

12-07-2021 (11h20)

O Brasil registou, nas últimas 24 horas, 595 mortes por covid-19, o número mais baixo em quase cinco meses, desde os 527 óbitos registados em 21 de Fevereiro, anunciou este Domingo o Governo.

Opinião e Análise