Rio de Janeiro vai reabrir pontos turísticos com restrições

17-07-2020 (10h31)

A cidade brasileira do Rio de Janeiro reabrirá a partir de sexta-feira os seus pontos turísticos, mas impondo restrições como distanciamento mínimo de quatro metros quadrados entre visitantes, devido à covid-19.

Além do distanciamento físico entre o público, os pontos turísticos do Rio de Janeiro só poderão funcionar apenas com um terço da sua capacidade.

O anúncio foi feito à imprensa pelo prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, dando início à "fase quatro" do plano de flexibilização da quarentena no município.

Apesar da autorização por parte da prefeitura, alguns espaços continuarão fechados até a primeira quinzena de agosto, como é o caso do Pão de Açúcar, do Corcovado, do Aquário e da roda gigante RioStar, alguns das maiores atrações da cidade, segundo o portal de notícias G1.

Também desportos coletivos, como voleibol, futebol e futevólei, voltam a ser permitidos nas areias das praias cariocas de segunda a sexta-feira, com a proibição a manter-se durante os finais de semana.

“As medidas de uso da máscara, afastamento social e uso de álcool gel têm feito com que as curvas [de contágio] caiam, de uma maneira vertiginosa. Isso deixa-nos muito felizes”, avaliou Crivella.

Já as pré-escolas e turmas do primeiro e segundo anos do ensino primário, cuja reabertura estava inicialmente prevista nesta etapa, permanecerão fechadas, informou o autarca.

O Brasil, segundo país do mundo com mais mortos e infetados pelo novo coronavírus, totaliza 75.366 óbitos e 1.966.748 casos confirmados.

O Rio de Janeiro é o terceiro estado com mais casos confirmados de covid-19, com 134.449 infetados e 11.757 mortos, apenas atrás de São Paulo, foco da pandemia no país, e do Ceará.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 584 mil mortos e infetou mais de 13,58 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Gastos dos brasileiros em turismo no estrangeiro caem quase 9.000 milhões de dólares até Setembro

23-10-2020 (16h15)

Os gastos dos brasileiros em turismo no estrangeiro, que em Portugal eram até ao início da pandemia a 6ª maior parcela das receitas turísticas, estão no fim de Setembro com uma quebra de 66,9% ou 8.932,28 milhões de dólares, informou hoje o Banco Central do Brasil.

TAP voltou a liderar em Setembro o transporte aéreo internacional de passageiros no Brasil

23-10-2020 (14h26)

Quase um em cada cinco passageiros que em Setembro viajaram em voos internacionais de/para o Brasil fizeram-no em TAP, que voltou assim a ser a líder de mercado, à frente não só das outras companhias europeias, como também das americanas e das brasileiras.

Brasil regista 729 mortes e 27.750 infectados com covid-19 num só dia

09-10-2020 (10h47)

O Brasil registou 729 mortes e 27.750 casos de covid-19 nas últimas 24 horas, informou o executivo brasileiro, acrescentando que investiga a eventual ligação de 2.346 óbitos com a doença.

Azul assinala melhoria da procura doméstica com o aproximar da época alta

06-10-2020 (16h59)

Embora com uma queda de tráfego em 51,9% em Setembro, a companhia de aviação brasileira Azul, fundada e presidida por David Neeleman, considera estar perante “uma melhora na demanda doméstica de passageiros, na medida que nos aproximamos da alta temporada no Brasil”.

TAP inicia o seu primeiro voo regular para Maceió

02-10-2020 (16h54)

O Airbus A321neo LR CS-TXA da TAP descolou há minutos do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, para o primeiro voo regular da companhia de aviação portuguesa para Maceió, capital do estado nordestino brasileiro de Alagoas.

Ultimas Noticias

Opinião e Análise