Ryanair começa 2020 com quebra de passageiros nos aeroportos espanhóis

12-02-2020 (16h49)

Foto: Ryanair
Foto: Ryanair

A Ryanair, que é a maior companhia de aviação nos aeroportos espanhóis, com 49,9 milhões em 2019, mais 7,19 milhões que a segunda maior, a low cost Vueling, começou este ano com uma quebra em 4,5% ou 141,8 mil, ficando em 3,02 milhões.

A informação disponível não permite descortinar as causas dessa quebra, mas há algumas semanas foi notícia a redução de actividade da Ryanair em alguns aeroportos espanhóis.

Ainda assim, a Ryanair voltou a ser a única companhia a atingir a marca de três milhões de passageiros nos aeroportos espanhóis este Janeiro, tendo mais 440,9 mil que a segunda maior, a Vueling do IAG, a qual teve um aumento em 3,8% ou 93,6 mil, para 2,58 milhões.

A Iberia foi a terceira maior nos aeroportos espanhóis este Janeiro, com 1,58 milhões de passageiros, e teve um dos maiores aumentos do mês, em 7,6% ou 112,5 mil, seguida pela a Air Europa, com 1,438 milhões, a crescer 8,2% ou 108,5 mil.

Depois da Ryanair, a maior companhia estrangeira nos aeroportos espanhóis é a easyJet, com 476,6 mil passageiros da easyJet UK, mais 288,5 mil da easyJet Europe e 85,8 mil da easyJet Switzerland.

A seguir estiveram a Jet2.com com 369,5 mil passageiros em Janeiro e a Norwegian, com 320,1 mil passageiros na Norwegian Air International e 137,1 mil na Norwegian Air Shuttle.

Para ler mais clique:

Portugal é a origem/destino de passageiros aéreos que mais cresce em Espanha

Aeroportos espanhóis crescem 2,4% em Janeiro apesar de aumento em 6,3% em Madrid

TAP cresce 14,2% mas perde quota de mercado nas ligações aéreas entre Espanha e Portugal

 

Clique para mais notícias: Aeroportos espanhóis

Clique para mais notícias: Espanha

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Iberia reduz estrutura para enfrentar a crise provocada pela covid-19

17-09-2020 (16h31)

A Iberia está a reorganizar a sua estrutura para enfrentar a crise provocada pela pandemia de covid-19 e preparar a recuperação gradual da procura, tendo reduzido número de direcções da sua comissão directiva.

TAP tem quebra de passageiros mais forte que o mercado dos voos Portugal – Espanha

14-09-2020 (17h43)

A TAP, que interrompeu totalmente os voos de/para Espanha nos meses de Abril a Junho, inclusive, está a ter uma retoma difícil, com quebras mais fortes que o tráfego total entre os dois países ibéricos.

Quebra de passageiros em voos entre Espanha e Portugal atingiu 80,9% em Agosto

14-09-2020 (17h32)

Os voos entre Espanha e Portugal, que entre Junho e Setembro do ano passado superaram sempre o meio milhão de passageiros por mês, este Agosto ficaram nuns escassos 109,5 mil, com uma quebra homóloga em 80,9% ou 464,1 mil.

Espanha atinge novo recorde diário de novos casos de covid-19 com 12.183

11-09-2020 (17h43)

Espanha contabilizou hoje 12.183 novos casos de covid-19, o número diário mais elevado desde o início da pandemia, e atinge o total de 566.326 infectados, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde espanhol.

Javier Sánchez-Prieto volta à Iberia como presidente e CEO

10-09-2020 (11h45)

O IAG formalizou a nomeação de Javier Sánchez-Prieto como presidente e CEO da Iberia, substituindo no cargo Luis Gallego, que assumiu a gestão executiva do grupo.

Opinião e Análise