Açores assina contratos de dois milhões de euros para a Ryanair promover a região

09-09-2020 (18h16)

Foto: Ryanair
Foto: Ryanair

A Ryanair, que está a contestar junto do Tribunal de Justiça da União Europeia (UE) as ajudas estatais autorizadas por Bruxelas a companhias europeias devido à crise da covid-19, assinou dois contratos com o Governo dos Açores, no valor de dois milhões de euros, para promover a região no Reino Unido e na Alemanha.

“Neste momento já estão assinados os contratos [com a Ryanair]. Está a ser feita uma recalendarização do plano de acções, dado o contexto que se vive neste momento, de pandemia. Tal acontece quer para o Reino Unido como para a Alemanha”, afirmou Marta Guerreiro, secretária regional da Energia, Ambiente e Turismo, que falava aos jornalistas à margem dos trabalhos do parlamento regional, na cidade da Horta, ilha do Faial.

A titular da pasta do Turismo considerou que o Reino Unido e a Alemanha “são dois mercados importantes” para os Açores, sendo que “esta relação com a Ryanair permite garantir fluxos turísticos no futuro quer para Ponta Delgada, quer para a Terceira”.

Marta Guerreiro adiantou que estão previstos dois voos semanais de Londres para os Açores, sendo que, na época alta, serão três, dois para Ponta Delgada e um para a Terceira.

A secretária regional anunciou ainda que a Ryanair vai manter os voos entre o continente e a região autónoma, pondo assim fim à especulação de que terminaria a rota com a Terceira.

“Fruto dos trabalhos desenvolvidos com o Governo da República e com o Turismo de Portugal, foi possível manter as condições, no âmbito do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira e do cenário de pandemia, para que a Ryanair continue a operar da Terceira para o continente, seis vezes por semana, como operava antes, quatro vezes para Lisboa e duas para o Porto”, afirmou.

Marta Guerreiro disse que estão já disponíveis os voos para marcação, a partir de Janeiro, no site da Ryanair, considerando que as suas ligações com aquela ilha “têm tido, de facto, um impacto importante no desenvolvimento económico”.

Em 25 de Agosto, quando surgiram informações de que a Ryanair pretendia abandonar as ligações para a Terceira, a governante disse que o cancelamento de rotas daquela companhia aérea para os Açores era “mera especulação”.

Na altura, Marta Guerreiro assinalou que a Ryanair “apenas” comunicou ao Governo Regional um “acerto” no “número de voos” em algumas rotas nos meses de Setembro e Outubro”.

“Apenas isso foi-nos dado nota. Não temos indicações nenhumas de mais nada. Tudo o resto é mera especulação”, declarou.

Questionada pelos jornalistas, a responsável não quis comentar a decisão da Ryanair de apresentar uma queixa judicial junto do Tribunal Europeu contra a SATA por considerar que a companhia açoriana teve ajudas do Estado.

(PressTUR com Agência Lusa)

Ver também:

Ryanair contesta ajuda do Estado à TAP

 

Clique para ver mais: Açores

Clique para ver mais: Ryanair

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Novo coronavírus já fez mais de 34 milhões de infectados no mundo

01-10-2020 (16h53)

Pelo menos 34.041.560 pessoas foram infectadas em todo o mundo com o novo coronavírus desde que este foi descoberto em Dezembro na China, indica um balanço às 11h00 TMG (12h00 em Lisboa) de hoje da agência France-Presse.

Solférias promove nova app da Disneyland Paris para agentes de viagens

01-10-2020 (10h09)

O operador turístico Solférias está a promover a nova app da Disneyland Paris para agentes de viagens, destacando a informação actualizada e as sessões de formação a que podem aceder.

OMT apoia plataforma de comercialização de tecnologias sustentáveis da EBRD

28-09-2020 (17h45)

A Organização Mundial de Turismo (OMT - UNWTO) está a apoiar uma iniciativa do European Bank for Reconstruction and Development (EBRD) que consiste numa plataforma de comercialização de tecnologias sustentáveis para o sector do turismo.

Costa Cruzeiros anuncia nova programação para viagens de Abril a Novembro

28-09-2020 (13h09)

A Costa Cruzeiros anunciou a sua nova programação para viagens entre Abril e Novembro de 2021, indicando que os cruzeiros previamente agendados para este período "e não incluídos no novo programa" serão cancelados.

Casos do novo coronavírus sobem na Europa Central e de Leste

25-09-2020 (17h24)

Os países da Europa central e de leste registaram muito menos casos de infeções por covid-19 na primeira vaga da pandemia, mas o relaxamento das restritivas medidas que impuseram na Primavera está a resultar num aumento de casos.

Opinião e Análise