Alemanha somou mais 4.516 infectados com covid-19 em 24 horas

09-10-2020 (10h36)

Reichstag, Berlim
Reichstag, Berlim

A Alemanha somou ontem mais 4.516 infectados com covid-19, para um total de 314.660 desde o início da pandemia, e mais 11 óbitos, para um total de 9.589, segundo o Instituto Robert Koch (RKI).

O número de pacientes recuperados é de 271.800, segundo os dados do RKI.

A progressão que se verifica nas últimas semanas faz temer que se chegue a um pico no que diz respeito aos contágios, em valores semelhantes aos da "primeira onda", na Alemanha, entre finais de Março e princípios de Aabril, em que se registaram cerca de seis mil infeções diárias.

Na quinta-feira, o RKI alertou que podem verificar-se 10 mil novos casos diários se não forem aplicadas medidas que venham a conter a propagação do novo coronavírus.

A progressão durante esta semana tem sido alarmante, passando dos 2.828 casos na quarta-feira para 4.058 contágios na quinta-feira.

É especialmente preocupante a situação nas grandes cidades, uma situação que vai ser analisada hoje pela chanceler Angela Merkel em reunião com os autarcas dos principais núcleos urbanos do país.

A reunião vai decorrer através de meios remotos e segue-se ao encontro de quarta-feira que reuniu os líderes dos estados federais sobre as restrições impostas aos viajantes nas denominadas "zonas vermelhas" alemãs.

A maioria dos estados proibiu as deslocações aos residentes provenientes das zonas de grande incidência a não ser que apresentem um teste negativo realizado nas 48 horas anteriores à viagem.

A restrição coincide com o início das férias de Outono, na Alemanha.

De acordo com as normas do RKI, na categoria das zonas de risco estão os distritos em que são ultrapassados os 50 contágios por cada 100 mil habitantes em sete dias.

Em Berlim o valor foi ultrapassado na quinta-feira ao registar uma média de 52 contágios em sete dias por cada 100 mil habitantes.

Nos distritos de Berlim com maior incidência, como a populosa zona de Neukolln, o nível é de 133 contágios enquanto em Mitte, onde está situado o bairro governamental, registaram-se 73 contágios nos últimos sete dias.

Outras regiões de risco situam-se em distritos da Baixa Saxónia, Bremen, Renânia do Norte-Vestfália, Baden-Wurttemberg e Baviera, assim como a cidade de Frankfurt.

Na capital alemã e em Frankfurt vai entrar em vigor hoje à noite a obrigação de encerramento de bares e restaurantes entre as 23:00 e as 06:00, horário em que vai ser proibida a venda de bebidas alcoólicas aos grupos de mais de cinco pessoas.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Covid-19

Clique para ver mais: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAP põe à venda passes com voos ilimitados na Europa

22-10-2020 (13h38)

A TAP está a anunciar ao mercado o novo Flight Pass Europa, um passe com voos ilimitados de Lisboa e do Porto para todos os destinos europeus da sua rede, apesar das restrições de viagens relacionadas com a pandemia de covid-19.

IAG tem prejuízo operacional de 1,3 mil milhões de euros no 4º trimestre

22-10-2020 (13h13)

O IAG, segundo maior grupo de aviação europeu, juntando British Airways, Iberia, Vueling, Aer Lingus e Level, informou hoje que no terceiro trimestre, época alta da aviação no Hemisfério Norte, teve um prejuízo de 1,3 mil milhões de euros, que significa uma degradação de 2,7 mil milhões em relação ao período homólogo de 2019.

IAG anuncia redução da capacidade este trimestre a “não mais de 30%” do que teve há um ano

22-10-2020 (12h54)

O IAG, grupo que engloba British Airways, Iberia, Vueling, Aer Lingus e Level, anunciou hoje que em função da “elevada incerteza” que domina o mercado da aviação, este trimestre terá no mercado “não mais de 30%” da capacidade que teve no período homólogo de 2019.

Grupo Lufthansa prevê reduzir este trimestre a “no máximo 25%” a capacidade de há um ano

20-10-2020 (16h45)

O Grupo Lufthansa, maior grupo europeu de aviação comercial, que inclui as companhias Lufthansa, Swiss, Austrian e Brussels, informou hoje que para o trimestre em curso antecipa ter “no máximo 25%” da capacidade que teve no mercado no trimestre homólogo de 2019.

França implementa testes antigénicos nos aeroportos até ao fim do mês

16-10-2020 (11h44)

França vai implementar até ao final de Outubro a realização testes antigénicos para o SARS-CoV-2 nos aeroportos do país, disse hoje o ministro dos Transportes de França, Jean-Baptiste Djebbari.

Opinião e Análise