Associações do turismo querem continuidade do Intergrupo de Turismo Sustentável

21-11-2019 (15h02)

As principais associações sectoriais do turismo na Europa, entre as quais a ECTAA (agências de viagens), a ETOA (operadores turísticos), a CLIA (cruzeiros), Hotrec (hotelaria), divulgaram um apelo para os eurodeputados aprovarem a continuidade do Intergrupo de Turismo Sustentável, que, dizem, entre 2014 e 2019, “provou ter um importante papel na coordenação de todas as áreas impactadas pelo Turismo, contribuindo para o crescimento económico e de empregos na Europa”.

Em comunicado essas organizações destacam que “o Intergrupo cobriu diversos tópicos, incluindo a gestão de Vistos e de Fronteiras, sustentabilidade, digitalização, economia das plataformas, alimentação, saúde, protecção do consumidor, taxas turísticas e acessibilidades, entre outros” e que “ao votar pelo reestabelecimento do Intergupo, estar-se-á a fomentar uma troca de pontos de vista, de forma construtiva e coordenada, entre os eurodeputados de diversos comités e outros stakeholders da UE em tópicos-chave, o que conduzirá a recomendações políticas equilibradas”.

“O Intergrupo possibilitará um pensamento conjunto entre transporte, energia, turismo, e política regional e assim permitirá um compromisso mais alargado sobre matérias de sustentabilidade. (ex. Metas de emissões)”, diz ainda o comunicado que começa por realçar que “o turismo é a 3ª maior actividade socioeconómica na Europa, e a espinha dorsal da Economia da União Europeia”, que o turismo gera 27,3 milhões de empregos, incluindo 13 milhões de empregos directos em dois milhões de empresas, e contribui com cerca de 10% do PIB da UE.

 

Clique para mais notícias: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

António Costa desafia britânicos a passar férias em segurança no Algarve

03-07-2020 (21h01)

O primeiro-ministro, António Costa, desafiou os britânicos “a passar umas férias em segurança no Algarve”, destacando que a região portuguesa tem menos infecções de covid-19 por 100 mil habitantes que o Reino Unido.

Reino Unido declara Açores e Madeira destinos seguros, mas mantém quarentena obrigatória no regresso

03-07-2020 (18h06)

O Reino Unido anunciou hoje que Açores e Madeira deixaram de representar “um risco inaceitavelmente alto” para os viajantes britânicos, no mesmo dia em que revelou que Portugal está fora da lista de países para onde os ingleses podem viajar sem ter de cumprir 14 dias de quarentena no regresso.

Inglaterra exclui Portugal dos corredores de viagem que permitem evitar quarentena

03-07-2020 (16h07)

Portugal foi excluído dos "corredores de viagem internacionais" com destinos turísticos que Inglaterra vai abrir para permitir aos ingleses passarem férias sem cumprir quarentena no regresso, foi hoje confirmado.

Ryanair acusa agências de viagens online de bloquear reembolsos

03-07-2020 (12h32)

A Ryanair acusou hoje "agências de viagens online não autorizadas" de bloquear reembolsos de clientes, por utilizarem "emails falsos e cartões de crédito virtuais" impedindo que as reservas "possam ser rastreadas até ao consumidor individual".

AIDA Cruises prolonga suspensão das operações até 31 de Agosto

02-07-2020 (17h35)

A companhia de cruzeiros AIDA Cruises anunciou hoje que prolongou a suspensão das suas operações até 31 de Agosto.

Opinião e Análise