França deverá manter restrições à circulação pelo menos até Abril

01-03-2021 (15h16)

O Presidente francês considerou hoje que será impossível levantar as restrições impostas devido à pandemia de covid-19 antes de Abril, depois do país ter registado na semana passada uma média de 21 mil novas infecções por dia.

“Ainda temos de aguentar por várias semanas. Entre quatro e seis semanas”, afirmou Emmanuel Macron em resposta a um jovem que lhe perguntou se o recolher obrigatório, actualmente em vigor entre as 18h e as 6h, poderia passar a começar às 19h.

A conversa aconteceu durante uma visita do Presidente a uma unidade industrial realizada hoje em Stains, na região de Paris.

A actual hora de recolhimento está em vigor desde o dia 16 de Janeiro, antecipando em duas horas a hora que estava imposta desde 15 de Dezembro (20h), para tentar diminuir o avanço da pandemia.

O avanço da pandemia fez com que novas restrições locais passassem a ser aplicadas, como o confinamento domiciliário durante o fim de semana nas cidades de Nice (Sul) e Dunquerque (Norte), bem como nas suas áreas de influência.

O Governo também colocou sob vigilância reforçada 20 departamentos, onde vive cerca de 40% da população do país, incluindo a região de Paris, estando agendado para 6 de Março a decisão de tornar esse confinamento parcial também nessas áreas.

A França contabiliza, desde o início da pandemia e até Domingo, 3,7 milhões de infectados e 86.454 mortos, dos quais 122 ocorreram em hospitais nas últimas 24 horas.

O ministro da Educação, Jean-Michel Blanquer, também destacou hoje que uma das prioridades é conseguir manter as escolas abertas e que o objectivo é fazer 300 mil exames de saliva por semana até meados de Março.

 

Clique para ver mais: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

MSC Cruzeiros lança novos itinerários para este Verão na Europa com pelo menos dez navios

16-04-2021 (17h02)

A MSC Cruzeiros divulgou para o mercado novos itinerários para viajar no Mediterrâneo e no Norte da Europa este Verão, com pelo menos dez navios, incluindo o seu novo MSC Virtuosa, que fará viagens a começar e a terminar em Lisboa a partir de Setembro.

Bruxelas contesta quarentena imposta por Dublin a cinco países da UE

16-04-2021 (16h16)

A Comissão Europeia contestou hoje junto das autoridades da Irlanda a quarentena obrigatória em hotel que está a ser imposta por Dublin a viajantes de vários países devido à covid-19, incluindo a cinco Estados-membros da União Europeia (UE).

Bruxelas aprova apoios de 150 milhões de euros para empresas dos Açores

16-04-2021 (15h40)

A Comissão Europeia deu hoje luz verde ao regime de apoios de 150 milhões de euros destinado a apoiar empresas na região dos Açores atingidas pela pandemia de covid-19, ao considerar a medida “necessária, apropriada e proporcional”.

Portugal passa a permitir voos do Brasil e Reino Unido para viagens essenciais

16-04-2021 (15h27)

O Governo português anunciou que os voos com origem ou destino no Brasil e Reino Unido são permitidos a partir de hoje para viagens essenciais, mantendo-se as medidas restritivas do tráfego aéreo devido à pandemia de covid-19.

Alemanha põe Algarve e Açores na lista de zonas de risco de contágio de covid-19

16-04-2021 (15h08)

A Alemanha, segundo maior mercado em dormidas para o alojamento turístico em Portugal, colocou hoje o Algarve e os Açores na lista de zonas de risco de contágio da covid-19, o que signfica que os turistas alemães terão de cumprir uma quarentena de dez dias no seu regresso.

Opinião e Análise