Itália vai reabrir aeroportos 3 de Junho

21-05-2020 (11h21)

A Itália vai reabrir todos os aeroportos a partir de 3 de Junho, dia em que também reabre as fronteiras, depois do encerramento provocado pela pandemia de covid-19.

A Itália, com 226.699 infecções confirmadas e 32.169 mortes até terça-feira, está em processo de aligeiramento de restrições devido à queda na curva epidemiológica registada nas últimas semanas.

(Veja também: Itália reabre fronteiras com União Europeia a 3 de Junho sem quarentena)

O encerramento de toda a actividade e confinamento no país foi decretado no dia 9 de Março. A 4 de Maio foi permitido o regresso ao trabalho de sectores como o da construção ou do fabrico, e a 18 de Maio a maioria dos negócios voltou à actividade.

O levantar de restrições vai continuar no dia 3 de Junho, quando vão ser permitidas viagens entre regiões e vão ser abertas as fronteiras a viajantes da União Europeia, que não vão ser obrigados a ficar em quarentena, uma medida que visa salvar a temporada turística de Verão. Os serviços de transporte público vão ter um novo aumento.

A companhia aérea italiana Alitalia adiantou que a partir de Junho vai retomar as ligações com Espanha, concretamente Madrid e Barcelona, com Nova Ioque e a ponte entre Milão, no norte, o epicentro da pandemia, e o Sul do país.

A crise do novo coronavírus afectou o transporte aéreo devido ao encerramento de fronteiras de muitos países com Itália e os aeroportos do país perderam 11,5 milhões de passageiros só no mês de março, segundo a Assaeroporti - Associação Italiana de Gestão Aeroportuária.

Esta associação estima que Itália receba 80 milhões de turistas até ao final do ano, menos 120 milhões do que o previsto inicialmente.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Europa

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Noruega autoriza viagens profissionais para os países nórdicos sem quarentena

29-05-2020 (17h25)

Os noruegueses que se desloquem aos países nórdicos por motivos profissionais ou os trabalhadores estrangeiros provenientes desses países vão deixar de ser submetidos a regime de quarentena a partir de segunda-feira, e as pessoas que estiveram em contacto directo com os casos confirmados da covid-19 vão ser testadas duas vezes, respectovamente três e sete dias após o contacto.

Louvre, Torre Eiffel e Versailles vão continuar fechados aos turistas

29-05-2020 (16h55)

O museu do Louvre, a Torre Eiffel e o Palácio de Versailles são alguns dos monumentos icónicos franceses cujas visitas continuarão interditas, mesmo quando o país levantar as restrições relativas à pandemia da covid-19 na próxima semana.

easyJet vai eliminar 4.500 postos de trabalho

28-05-2020 (10h03)

A companhia aérea britânica easyJet anunciou hoje que vai eliminar 4.500 postos de trabalho, quase um terço dos seus efectivos, para lidar com as quebras provocadas pela pandemia de covid-19.

Agência Europeia da Aviação Civil monitoriza orientações de segurança

27-05-2020 (17h38)

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA, na sigla em inglês) lançou um programa para monitorizar a implementação das orientações de segurança relativas à pandemia de covid-19 pelos aeroportos e pelas companhias aéreas europeias, foi hoje anunciado.

Governo alemão adia decisão de levantar advertência para viagens na Europa

27-05-2020 (17h14)

O Governo alemão adiou até à próxima quarta-feira a decisão de retirar a sua recomendação contra viagens para o estrangeiro devido à pandemia do novo coronavírus, informou hoje o grupo mediático Redaktionsnetzwerk Deutschland (RND).

Opinião e Análise