Número de doentes com Covid-19 ‘dispara’ 515 desde ontem na Região Norte

29-03-2020 (13h49)

A região Norte do País, que já era a que tinha mais doentes infectados pelo novo coronavírus, que provoca covid-19, agravou ontem essa situação ao registar um aumento de 515 novos doentes, com o qual passou a ter 59,5% do total de doentes covid em Portugal.

Os dados publicados hoje pela Direcção Geral de Saúde indicam que no Sábado do número de doentes covid-19 em Portugal aumentou 792, elevando o total desde o início da pandemia para 5.962, com a região Norte a apresentar 515 novos casos de infecção, passando a contar um total de 3.550.

Além do Norte, que teve 65% dos novos casos de infecção diagnosticados ontem, houve aumentos em todas as regiões, com mais 191 em Lisboa e Vale do Tejo, 62 no Centro, 12 na Madeira, sete no Alentejo, três nos Açores e dois no Algarve.

Assim, desde o início da pandemia a região de Lisboa e Vale do Tejo tem 1.478 doentes covid-19 (24,8% do total do país), o Centro tem 709 (11,9%), o Algarve tem 108 (1,8%), a Madeira tem 43 (0,7%), o Alentejo tem 41 (0,7%) e os Açores têm 33 (0,6%).

A informação da DGS mostra ainda que 14 concelhos têm mais de uma centena de doentes com covid-19, sete dos quais com mais de 200, designadamente Lisboa, com 594, Porto, com 417, Vila Nova de Gaia, com 351, Maia, com 296, Matosinhos, com 254, Gondomar, com 242, e Braga, com 208,

Os restantes com mais de uma centena são Coimbra, com 199, Valongo, com 184, Ovar, com 159, Sintra, com 148, Santa Maria da Feira, com 136, Cascais, com 110, e Vila Real, com 103.

O maior aumento ontem foi no concelho de Lisboa, com mais 228, seguido por Vila Nova de Gaia, Gondomar e Coimbra, cada um deles com mais 89, Maia, com mais 77, e Porto, com mais 74.

O retrato da situação da pandemia divulgado hoje pela DGS indica que depois de dois dias de novos máximos de novos casos de infecção, o crescimento abrandou ontem, para 792, que representam 15% do aumento do que as autoridades designam por “casos suspeitos”, mantendo assim a proporção do total de “confirmados” em relação ao total de “suspeitos”, que é de 15,3%.

Porém, os dados também mostram um aumento de 570 pessoas (+11,5%) que aguardam resultados laboratoriais, que já são 5.508, embora o número de “contactos em vigilância” decresceu 10,7%, para 17.785.

O número de mortos, por sua vez, aumentou 20%, atingindo um total de 120 (já com um menor de 14 anos que faleceu no Norte e que padecia de outros problemas de saúde), 12 deles pessoas com mais de 80 anos, seis com mais de 70 e menos de 79 e um com mais de 60 e menos de 69.

Estes dados indicam que, desde o início da pandemia, 58,3% dos óbitos, num total de 70 tinham mais de 80 anos, 22,5%, num total de 27, tinham entre 70 e 79, 12,5%, num total de 15, tinham entre 60 e 69 anos, 4,2% ou cinco tinham 50 a 59 anos e 1,7% ou dois tinham 40 a 49 anos.

Os óbitos de pessoas com mais de 60 elevam-se, assim, a 112, o que significa 93,3% do total.

 

Clique para ler:

Número de internados em cuidados intensivos com covid-19 ‘disparou’ 55,1% ontem

 

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

LAM adia retoma dos voos entre Maputo e Lisboa

22-05-2020 (16h34)

A companhia de aviação LAM – Linhas Aéreas de Moçambique  adiou a retoma dos voos entre Maputo e Lisboa operados pela Hi Fly da família Mirpuri, que tinha previsto para o dia 2 de Junho, de Lisboa, para 2 de Julho, mas só tem disponíveis reservas a partir de 2 de Agosto.

Aegean planeia retomar operação em Portugal em meados de Junho

22-05-2020 (16h06)

A companhia aérea grega Aegean Airlines planeia voltar a operar em Portugal, a partir de Lisboa, em meados de Junho.

Guias intérpretes podem aderir ao selo Clean & Safe

22-05-2020 (15h50)

Os guias intérpretes podem aderir ao selo Clean & Safe através de um programa de formação do Turismo de Portugal, que consiste numa sessão formativa de duas horas.

Portugal ultrapassa marca dos 30 mil infectados com covid-19

22-05-2020 (15h39)

Portugal teve ontem mais 288 infectados pelo novo coronavírus e ultrapassou a marca de 30 mil, com o total de 30.200 doentes com covid-19 desde o começo de Março, quando registou os primeiros casos.

Voos de/para Portugal deixam de ter lotação reduzida a partir de 1 de Junho

22-05-2020 (10h22)

Os voos de e para Portugal deixam de ter lotação de passageiros reduzida a partir de 1 de Junho, anunciou o Governo, indicando que assim está a “alinhar as regras nacionais pelas regras europeias”.

Opinião e Análise