Tempo frio em Portugal continental mantém-se até Domingo

13-01-2021 (18h37)

O tempo frio vai manter-se em Portugal continental até Domingo, em especial nas regiões do interior Norte e Centro, prevendo-se a partir de segunda-feira uma subida significativa da temperatura mínima e ocorrência de precipitação, segundo o IPMA.

Em declarações à agência Lusa, a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) Madalena Rodrigues adiantou que hoje já ocorreu uma pequena subida nas temperaturas mínimas.

“Por isso já não estão todos os distritos do continente a aviso amarelo, apenas Braga, Porto, Aveiro, Vila Real, Bragança, Castelo Branco, Évora e Beja e até amanhã [quinta-feira]”, especificou Madalena Rodrigues.

A meteorologista do IPMA acrescentou que para os próximos dias está prevista uma subida gradual das temperaturas mínimas de 1/2 graus Celsius.

"Não se esperam grandes alterações para os próximos dias. Vamos continuar com temperaturas baixas e até valores negativos nas regiões do interior Norte e Centro pelo menos até Domingo, mas já não será para emissão de aviso e as temperaturas serão normais para esta época do ano", disse.

Madalena Rodrigues indicou também que vai continuar a ocorrer formação de gelo e geada nas regiões do interior e neblinas e nevoeiros que podem gelados.

No início da próxima semana, segundo a meteorologista, se se vier a confirmar, prevê-se ocorrência de precipitação e as mínimas deverão subir 2/3 graus e já não se esperam temperaturas negativas para Portugal continental.

 

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

AHP classifica de “absurdo” manter hotéis abertos sem poderem prestar serviços

15-01-2021 (17h52)

O presidente da AHP - Associação da Hotelaria de Portugal considera “lamentável” que, vistas as limitações impostas, o Governo não tenha decretado o encerramento dos hotéis para que pudessem aceder ao regime de lay-off simplificado.

Quebra de passageiros no Aeroporto de Lisboa em 2020 atingiu 21,9 milhões

15-01-2021 (16h24)

O Aeroporto de Lisboa, que em 2019 se debatia com falta de capacidade para tanto tráfego, em 2020, com a pandemia de covid-19, teve uma quebra para uns escassos 9,26 milhões de passageiros, pouco mais do que teve só no Verão de 2019 (9,19 milhões).

Hospitais em Portugal já têm mais de 4.500 internados com covid-19

15-01-2021 (16h23)

Os hospitais em Portugal nunca tiveram tantos doentes internados com covid-19 como esta quinta-feira, com 4.560, incluindo 622 em unidades de cuidados intensivos.

Quebra de tráfego aéreo de/para Portugal agravou-se no quarto trimestre de 2020 para 77%

15-01-2021 (15h51)

O quarto trimestre, que já por si é um período de época baixa da aviação no Hemisfério Norte, no ano passado até foi de agravamento da quebra induzida pela pandemia de covid-19, com o decréscimo der passageiros nos aeroportos portugueses geridos pela ANA/Vinci a situar-se 7,4 pontos acima da quebra média no ano.

Governo vai reabrir linha de crédito com garantia do Estado de 400 milhões de euros

15-01-2021 (13h27)

O Governo vai reabrir a linha de crédito com garantia do Estado para as empresas mais afectadas pelo novo confinamento, disponibilizando para já 400 milhões de euros, disse o ministro de Estado e da Economia, Siza Vieira.

Opinião e Análise