Termas de Portugal renovam imagem para atrair novos clientes

25-06-2019 (13h33)

A Associação das Termas de Portugal renovou a imagem, segmentou a oferta e lançou uma campanha para aumentar o número de clientes do segmento de turismo de bem-estar, de cerca de 70 mil para 120 mil, disse hoje Victor Leal, presidente da Associação.

Apoiada pelo Turismo de Portugal, a Associação investiu 350 mil euros na iniciativa, que inclui reposicionamento da marca e uma campanha de promoção em meios digitais ao longo de um ano, até ao final do primeiro semestre de 2020.

Após um investimento de cerca de 300 milhões de euros na renovação dos balneários termais portugueses desde 2004, actualmente "temos dos espaços mais qualificados que existem a nível europeu", afirmou Victor Leal em conferência de imprensa, hoje em Lisboa.

Com o mote "é natural estar bem", a nova campanha pretende passar a mensagem de que o bem-estar não é um luxo, é natural.

Para atrair novos públicos, além das próprias termas, a nova programação integra a oferta existente nos territórios através da criação de rotas temáticas: histórica, natureza e charme.

Por outro lado, a Associação também criou quatro produtos para atrair o público mais urbano, designadamente natura fit, natura massage, natura legs e natura relax.

Toda a programação está inserida num novo website, que possibilita reservas através de ligações às plataformas das cerca de 50 termas que integram o projecto.

A campanha pretende promover a componente de bem-estar dos balneários termais, que representam uma facturação anual de cerca de dois milhões de euros. O segmento terapêutico, por sua vez, representa cerca de 11 milhões de euros.

Victor Leal revelou ainda que no primeiro semestre deste ano as termas estão com um aumento da facturação de cerca de 20% face ao período homólogo do ano passado.

Na mesma ocasião, o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, salientou que a saúde e bem-estar constituem um dos eixos prioritários do plano estratégico nacional para o turismo, na medida em que potenciam a vinda de turistas ao longo de todo o ano e em todo o território.

Sobre o reposicionamento das Termas de Portugal, Luís Araújo destacou a segmentação do produto, que permitirá alcançar uma maior diversidade de consumidores, a aposta no digital, que tem maior alcance, e o facto de ser uma aposta concentrada na venda.

Para aceder ao site das Termas de Portugal clique aqui.

 

Clique para ver mais: Termas de Portugal

Clique para ver mais: Cá Dentro

Clique para ver mais: Actividades

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Mira de Aire tem um novo museu para visitar “uma época de ouro do têxtil em Portugal”

26-05-2020 (16h05)

A freguesia de Mira de Aire, em Porto de Mós, tem um novo espaço para visitar, o MIAT - Museu Industrial e Artesanal do Têxtil, uma proposta para descobrir "uma época de ouro do têxtil em Portugal".

Louvre recebeu mais de 10 milhões de visitas virtuais em 71 dias

25-05-2020 (11h17)

O museu do Louvre, em Paris, que ampliou a sua oferta online durante o confinamento imposto devido à pandemia de covid-19, recebeu 10,5 milhões de visitas virtuais neste período.

Aqueduto das Águas Livres e Reservatório da Mãe d'Água reabrem ao público

21-05-2020 (16h51)

Os espaços museológicos do Museu da Água da EPAL Aqueduto das Águas Livres e Reservatório da Mãe d'Água reabrem ao público no dia 23 de Maio, seguindo as orientações da DGS.

NOS Alive adiado para 2021 com Da Weasel como primeira confirmação

20-05-2020 (10h50)

A 14.ª edição do festival de música NOS Alive foi adiada, em consequência da pandemia de covid-19para os dias 7 a 10 de Julho do próximo ano e já tem confirmada a banda Da Weasel como primeiro nome do cartaz.

Museu da Guarda reabre com medidas de segurança e higienização

19-05-2020 (15h11)

O Museu Regional da Guarda reabriu hoje as portas ao público com medidas de segurança, proteção e higienização, para evitar a contaminação pela covid-19.

Opinião e Análise