Bragança promove-se como “destino natural, seguro e autêntico”

23-07-2020 (11h30)

O município de Bragança apresentou uma campanha de promoção turística que aposta nas singularidades naturais do concelho para atrair visitantes portugueses e convencê-los a permanecerem mais dias no território.

Bragança Naturalmente é o tema da campanha que arranca com um vídeo promocional com os atractivos locais, desde a natureza ao património, tradições e gastronomia, e que será replicada nas redes sociais e percorrerá o país em outdoors e autocarros.

Além dos recursos que a região oferece, o presidente do Turismo Porto e Norte de Portugal, Luís Pedro Martins, acredita que a falta de gente, a que chamam baixa densidade populacional, que tem sido o maior problema dos territórios do interior, será agora, na pandemia covid-19, o principal trunfo turístico associado à segurança, tranquilidade e autenticidade.

Luís Pedro Martins esteve na apresentação da campanha em Bragança e sublinhou que “os holofotes estão virados para o interior” e é preciso “não deixar que isto volte atrás” e “mostrar que, a poucos minutos de casa, consegue-se ter umas férias inesquecíveis”.

Esse é o propósito da Câmara de Bragança, que investiu 30 mil euros nesta campanha que, além de pretender atrair visitantes, tem também o propósito de os manter mais dias na região, como realçou o presidente, Hernâni Dias.

Esta é, para o autarca, “a altura propícia para conseguir dar o salto no quadro da pandemia” para que os turistas fiquem mais tempo do que a atual média de um dia e meio.

Duplicar esta média para “dois dias e meio a três dias” é o objectivo da campanha que, numa primeira fase, vai prolongar-se até ao final do ano e tem como destinatários o mercado nacional, local e da saudade, concretamente os emigrantes.

O presidente da Câmara indicou que a campanha faz parte de um plano estratégico com um horizonte até 2022, que irá sendo desenvolvido conforme a evolução da pandemia provocada pelo novo coronavírus.

A maior parte do território do concelho de Bragança é parte do Parque Natural de Montesinho e outras classificações ambientais, Rede Natura2000, que têm sido apontados ao longo dos anos como um entrave ao desenvolvimento, nomeadamente de projetos turísticos.

O presidente do Turismo Porto e Norte de Portugal, Luís Pedro Martins, acredita que será possível ultrapassar os obstáculos com diálogo e disponibilizou-se a servir de intermediário para que seja possível tirar partido das potencialidades existentes ao nível dos desportos aventura e outras.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Cá Dentro

Clique para ver mais: Actividades

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Convento da Cartuxa em Évora com visitas abertas e mais visitas guiadas

14-08-2020 (19h25)

O Mosteiro de Santa Maria Scala Coeli, em Évora, conhecido como Convento da Cartuxa, vai juntar às visitas guiadas, que já têm mais datas programadas, visitas abertas sem marcação prévia, a partir deste Sábado.

Aldeias Históricas recebem ciclo de espectáculos "12 em Rede" entre Setembro e Novembro

13-08-2020 (15h51)

A edição 2020 do ciclo de espetáculos "12 em Rede" começa em Setembro na aldeia histórica de Castelo Rodrigo, Guarda, com uma festa inspirada nas raízes judaicas, e estende-se até Novembro, foi hoje anunciado.

Cantanhede inaugura Rota da Vinha com 14 quilómetros

12-08-2020 (17h56)

A Rota da Vinha de Cantanhede, com um trajecto de 14 quilómetros repartido por duas freguesias, vai ser inaugurada no Domingo, anunciou hoje a Câmara Municipal.

Autocarro Smart Sightseeing dá a conhecer Lisboa

11-08-2020 (19h40)

O autocarro panorâmico Smart Sightseeing está em circulação nas ruas de Lisboa oferecendo vista privilegiada aos seus passageiros enquanto "conta a história, o carácter e a vivência da cidade".

Torres Vedras promove roteiro "Passeio dos Poetas"

11-08-2020 (18h42)

O município de Torres Vedras está a promover um roteiro alusivo à relação dos poetas Antero de Quental, João de Barros e Kazuo Dan com Santa Cruz.

Opinião e Análise